OUTROS DESTAQUES
Estratégia
British Telecom reforça investimentos no Brasil
terça-feira, 17 de julho de 2007 , 18h47 | POR ANA LUIZA MAHLMEISTER

Após a aquisição da Comsat em abril de 2007, a British Telecom (BT), com sede no Reino Unido, ampliou sua base latino-americana em infra-estrutura e clientes. Com isso, prevê ultrapassar US$ 100 milhões em faturamento, só no Brasil, até o final do ano, informa o presidente da BT para a região EMEA, Luis Alvarez Satorre que esteve no País nesta semana. O executivo também descartou novas aquisições. Além da Comsat, a empresa é dona da Telecsis e Infonet, já integradas à BT.
A empresa conta com mais de 400 clientes no Brasil que representa 50% da receita na América Latina. No País conta hoje com um backbone IP com 64 pontos de presença em 28 cidades, 18,5 mil pontos do VSAT (incluindo os pontos do Gesac), além de um data center em Hortolândia (SP) e um centro de operacional na capital paulista que atende 700 clientes de 92 países, entre eles a Inbev, Pepsico e Fiat. Um grande cliente brasileiro é a Caixa Econômica Federal com o gerenciamento de 9 mil pontos de rede de loteria esportiva.

MVNO corporativo

Satorre destaca que a BT é oferece no País serviços de hosting, integração de plataformas e sistemas para call center e prevê ofertas na área de segurança como proteção de redes, back up recovery e gerenciamento de identidades. Entre os novos serviços também está o Corporate Fusion que une a rede IP com Wi-Fi permitindo a integração de qualquer dispositivo móvel para serviços corporativos. A empresa também oferece rede WiMax em faixas não licenciadas de 5,4 GHz complementando soluções de acesso. Segundo Satorre, não está nos planos da BT a atuação como operadora de serviços de massa nem a oferta para pequenas e médias empresas. ?Podemos oferecer, por exemplo, um sistema de MVNO, ou operadora virtual móvel, conforme a regulamentação no Brasil, mas apenas para beneficiar clientes corporativos?, completa o executivo.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top