OUTROS DESTAQUES
MERCADO
Receita das operadoras terá menor participação no mundo da Internet, mas aumentará até 2020
terça-feira, 17 de maio de 2016 , 19h42

Com o aumento da oferta, os serviços de conectividade crescem em receita, mas são cada vez menos parte do ecossistema de valor do mundo online, segundo estudo desenvolvido pela A.T. Kearney a pedido da associação global de operadoras móveis (GSMA) e que foi divulgado nesta terça-feira, 17. A receita de conectividade cresceu de US$ 226 bilhões em 2008 para US$ 577 bilhões no ano passado, mas houve declínio da participação em toda a cadeia de valor da Internet, saindo de 18% para 17% no período. A entidade ainda prevê que para 2020, a participação será ainda menor: 14%. Não significa redução líquida, entretanto, já que a receita deverá totalizar US$ 816 bilhões ao final do período.

Por outro lado, o valor capturado pelas empresas de Internet, as over-the-top (OTT), já foi de quase metade (47%, ou US$ 1,637 trilhão) em 2015 e deverá chegar a 52% (US$ 3,063 trilhões) em 2020. A GSMA critica esse aumento afirmando que "poucos players poderosos expandem sua influência no ecossistema da Internet".

O restante da cadeia de valor está dividido em interface de usuário (sistemas operacionais e dispositivos), com US$ 813 bilhões (23%); e com direitos de conteúdo como games, vídeo e música, com US$ 64 bilhões (2%). O valor total de receita gerada pela Internet no mundo, segundo estimado pelo estudo, era de US$ 3,463 trilhões em 2015 e deverá crescer 11% anualmente até chegar a US$ 5,8 trilhões em 2020.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME. Mais informações pelo email eventos@teletime.com.br

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME.

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
Top