OUTROS DESTAQUES
Satélites
Gilat registra receita de US$ 248,7 milhões em 2006
quarta-feira, 14 de fevereiro de 2007 , 17h06 | POR REDAÇÃO

A Gilat, fabricante de equipamentos de comunicação via satélite, encerrou 2006 com receita de US$ 248,7 milhões, o que representa um crescimento de 18,8% em comparação com os US$ 209,4 milhões contabilizados em 2005. Somente no quarto trimestre do ano passado o faturamento da companhia foi de US$ 65,4 milhões, ou 17% a mais que no mesmo período de 2005. Esse é o quinto trimestre consecutivo de melhora do resultado financeiro da Gilat.
O Ebitda acumulado no ano quase dobrou, passando de US$ 20,5 milhões para US$ 37,9 milhões. O lucro líquido da companhia em 2006 foi de US$ 10,5 milhões, revertendo portanto o prejuízo líquido de US$ 3,7 milhões registrado no ano anterior. Quase a metade do lucro líquido veio no quarto trimestre: US$ 4,5 milhões. Um ano antes, no último trimestre de 2005, o lucro líquido havia sido de US$ 1 milhão apenas.
Em seu comunicado sobre o balanço anual, a empresa destacou a importância de ter assinado em 2006 contratos de projetos turn key com empresas como Telefônica do Brasil, Russia Post e Angola Telecom.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME. Mais informações pelo email eventos@teletime.com.br

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME.

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
Top