OUTROS DESTAQUES
Telecom Italia prioriza celulares, mas continua na BrT
quinta-feira, 14 de Fevereiro de 2002 , 22h48 | POR REDAÇÃO

A Telecom Italia não vai se desfazer de sua participação na Brasil Telecom (BrT). Foi o que ressaltou nesta quinta, 14, o presidente do grupo, Marco Tronchetti Provera, durante a apresentação dos planos da companhia para os próximos três anos, em Milão, Itália. Todavia, o executivo admitiu que o foco principal no País está na implementação da rede GSM. Segundo ele, a aceleração desse projeto depende de uma redução dos investimentos da BrT. Essa posição talvez explique a fácil aprovação do orçamento da operadora de telefonia fixa para 2002, que caiu para R$ 1,7 bilhão, metade do que foi no ano passado. O executivo ressaltou também que o grupo está trabalhando para que a relação entre os sócios da BrT melhore e admitiu que progressos significativos foram obtidos nos últimos meses nesse sentido.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top