OUTROS DESTAQUES
MWC Americas
Primeiros smartphones 5G são revelados aos poucos
quarta-feira, 12 de setembro de 2018 , 19h31

De uma forma ainda não oficial, os primeiros smartphones 5G começaram a aparecer durante a Mobile World Congress Americas nesta quarta-feira, 12, em Los Angeles, Estados Unidos. Ainda não há muitas características definidas, mas sabe-se que alguns deles utilizarão o chipset Snapdradgon com o modem X50, da Qualcomm. E pelo menos uma fabricante já teria sido confirmada: a sul-coreana LG.

A operadora norte-americana Sprint anunciou seus planos para 5G e incluiu esse aparelho, que deverá ser compatível com a futura rede da operadora e será lançado no primeiro semestre de 2019. Em vez das ondas milimétricas, a empresa aposta na faixa de 2,5 GHz (utilizada para LTE no Brasil) para o início das operações em quinta geração. "Esse primeiro smartphone é Qualcomm e LG e não precisará de acessórios, será o primeiro aparelho sub-6 GHz em 5G nos Estados Unidos", declarou o CTO da tele, Dr. John Saw, comparando o dispositivo com o modelo Moto Z3 lançado da Motorola em agosto e que terá um módulo futuramente compatível com 5G.

Em termos de rede, a aposta da Sprint é de otimizar o uso de espectro sem precisar esperar futuros leilões de ondas milimétricas. "Por isso queríamos tanto a fusão com a T-Mobile, porque temos esse espectro complementar", declara Saw. Vale lembrar que a proposta de fusão entre as duas operadoras ainda está em revisão na agência reguladora dos EUA, a Federal Communications Commission (FCC).

A ideia da Sprint é suceder de forma natural a tecnologia LTE-Advanced com velocidade gigabit por meio de MIMO 4×4 e 256 QAM, apenas atualizando os sites para 5G por software. A implantação da tecnologia está em testes em Dallas e Chicago, onde a companhia diz ter havido melhoras no throughput com a agregação de portadoras, mas que em duas semanas será iniciada a transmissão em 5G com o reuso da antena. Mais nove mercados (Atlanta, Chicago, Dallas, Houston, Kansas City, Los Angeles, New York, Phoenix e Washington) estarão disponíveis até o final do primeiro semestre de 2019.

Ondas milimétricas

A 5G em smartphones não ficará limitada em frequências médias. O vice-presidente de conselho regulatório da Qualcomm, John Kuzin, revelou em painel o protótipo de dispositivo utilizado para realizar a primeira chamada de dados com a faixa de 39 GHz. O aparelho também é baseado no chipset X50, da empresa. "Havia questões sobre o formato e se seria possível um celular compatível com mmWave", declarou Kuzin. "Teremos um em 2019, e a prova é este aparelho de testes aqui", completou, exibindo um aparelho de design semelhante ao Galaxy Note 9, da Samsung. O teste, realizado no começo deste mês, foi realizado em conjunto com a Ericsson.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top