OUTROS DESTAQUES
Mercado
Departamento de Justiça dos EUA vai recorrer para barrar fusão AT&T/Time Warner
quinta-feira, 12 de julho de 2018 , 17h58

O Departamento de Justiça (DoJ) dos Estados Unidos comunicou nesta quinta-feira, 12, que vai recorrer da decisão judicial de junho que liberou a fusão entre a operadora AT&T e a gigante do conteúdo Time Warner. Uma notificação judicial foi emitida pelo advogado da divisão antitruste do DoJ, Craig Conrath, na qual declara que entra com o recurso no Corte de Apelação dos EUA do Distrito de Columbia. O documento pode ser lido clicando aqui.

Ainda em novembro do ano passado, o DoJ já havia declarado que iria tentar barrar a fusão por meio de uma ação concorrencial contra a operação, alegando que ela traz danos substanciais à concorrência. Na ocasião, foi alegado que a fusão de R$ 108 bilhões anunciada em 2016 entre a Time Warner e a AT&T tem o potencial de reduzir significativamente a competição, elevar preços ao consumidor e restringir a inovação no mercado de TV por assinatura.

Em junho deste ano, a justiça norte-americana deu sinal verde para a transação, o que levou as empresas a anunciar nova estrutura. No começo de julho, a AT&T apresentou à Anatel a sua defesa para justificar a legalidade da fusão entre a empresa e a Time Warner no Brasil. A agência faria a análise regulatória do caso para autorizar ou não a fusão, processo que levaria pelo menos dois meses.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top