OUTROS DESTAQUES
BANDA LARGA FIXA
Banda larga fixa cresce pelo quarto mês consecutivo e supera 26 milhões de acessos em maio
terça-feira, 12 de julho de 2016 , 17h12 | POR BRUNO DO AMARAL E LÚCIA BERBERT

Pelo quarto mês consecutivo, os acessos em banda larga fixa aumentaram, novamente por conta do avanço dos pequenos provedores. Em maio, foram mais 146,5 mil novos acessos no total (crescimento de 0,57%), elevando o número de conexões para 26,041 milhões em todo o País. No comparativo com maio do ano passado, o setor cresceu 4,76%. De acordo com dados da Anatel divulgados nesta terça, 12, o serviço estava presente em 39,05% dos domicílios.

Os pequenos provedores juntos aumentaram o market share de 9,41% para 9,71% entre abril e maio, fechando o período com 2,528 milhões de acessos, permanecendo o terceiro maior grupo no País. O crescimento mensal foi de 3,76% (91,5 mil novas adições), e no ano já acumula 18,29% – ou 390,8 mil adições líquidas. A Sky/AT&T também avançou de 1,12% para 1,15% e a Telecom Italia, de 1,10% para 1,15%.

As empresas líderes de mercado reduziram ligeiramente suas participações. O grupo América Móvil (Claro, Embratel e Net) ganhou 28,4 mil novos clientes, mas o market share variou de 31,76% para 31,69% entre abril e maio. Ainda assim, é o grupo com maior crescimento líquido anual: 415,5 mil (5,30%).

SCM-shareCrescLiqMai

A Telefônica, em segundo lugar, perdeu 2,1 mil usuários e teve sua participação no mercado reduzida de 28,65% para 28,48% no período, uma vez que a base ficou praticamente estável (perda de 2,1 mil acessos, ou 0,03%). No acumulado de 12 meses, porém, mantém um avanço de 2,63% (190,1 mil adições líquidas), já considerando a fusão com a GVT de forma retroativa. A Oi, na terceira colocação, também reduziu sua participação de 24,58% para 24,47%, embora tenha adicionado 5,9 mil acessos (0,09%) no mês de mao. Comparado com maio de 2015, porém, já acumula perda de 95,5 mil conexões, uma redução de 1,48% na base.

Tecnologia

A tecnologia xDSL ainda domina os acessos de banda larga fixa, com 51,22% de participação (13,337 milhões de acessos), mas vem perdendo fôlego. Em maio, por exemplo, cresceu menos (2,1 mil, ou 0,02%) do que as conexões via rádio/spread spectrum (42,5 mil, ou 2,60%), que têm 6,44% de market share e um total de 1,676 milhão de conexões. Também perdeu para os acessos em fibra ótica, que responderam por mais de 1,445 milhão de acessos (crescimento mensal de 33,1 mil, ou 2,34%), e até para LTE, que teve acréscimo de 7,6 mil usuários (2,33%), totalizando 335,1 mil conexões.

 

O segundo maior mercado brasileiro é o de cabo (Cable Modem e HFC), que totalizou 8,448 milhões de conexões, um avanço de 0,30% no mês e de 5,59% no ano. Considerando somente o Cable Modem, com 449,7 mil adições em 12 meses, é a maior adição líquida dentre todas as tecnologias.

Velocidade

SCM-EvoVelo-Mai16

As velocidades acima de 34 Mbps foram as que mais cresceram em maio proporcionalmente (2,75%), e agora totalizam 1,687 milhão de acessos. No ano, entretanto, o avanço já é de 61,96% (645,5 mil adições líquidas). Porém, ainda é o penúltimo mercado no Brasil, com 6,48%.

A maior parte das conexões no País segue sendo de velocidades de 2 Mbps a 12 Mbps, com 9,797 milhões de acessos (37,62% do total), apesar da queda de 0,04% no mês e de 14,93% no ano. Por outro lado, a terceira maior faixa de velocidade, de 12 Mbps a 34 Mbps, foi a de maior crescimento líquido no mês (147,7 mil adições) e no ano (2,301 milhões), totalizando 6,379 milhões de acessos e 24,50% de market share.

As conexões de 512 kbps a 2 Mbps continuam perdendo força (45,9 mil desconexões, ou 0,64%) no mês, apesar de ainda mostrar avanço de 108,1 mil linhas (1,54%) no acumulado de 12 meses. É o segundo maior mercado, com 27,34%. Mesmo com queda de 12,69% no ano, as conexões de até 512 kbps avançaram em maio 3,6 mil acessos, ou 0,34%. É o menor mercado, segundo a Anatel, com 4,06% de participação.

[Editado em 13/07 para esclarecer o título do gráfico referente à participação de cada grupo no crescimento líquido da base total]

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top