OUTROS DESTAQUES
Competição
Operadores de MMDS aguardam consulta sobre flexibilização dos 2,5 GHz
quarta-feira, 12 de junho de 2002 , 20h15 | POR REDAÇÃO

Os operadores de MMDS começam a se movimentar para dar à sua infra-estrutura mais uso no campo das telecomunicações. Um exemplo foi a TVA, que solicitou à Anatel licença para serviços de telefonia fixa e longa distância. Mas o problema dos operadores de MMDS vai mais além da simples solicitação da licença.
Há dúvidas jurídicas sobre se a faixa de 2,5 GHz (utilizada para o MMDS) pode ou não ser utilizada para serviços de voz. Pelo planejamento de uso do espectro da Anatel, não. Mas os advogados das empresas dizem que sim, a partir da interpretação do regulamento de serviços especiais, ao qual o MMDS está subordinado.
De qualquer forma, existe um entendimento informal entre a Anatel e os operadores para a publicação de uma consulta pública perguntando ao mercado se a faixa de 2,5 GHz poderia ser utilizada para outros fins. Os operadores de MMDS aguardam a publicação desta consulta.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME. Mais informações pelo email eventos@teletime.com.br

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
EVENTOS

O mercado de TV por assinatura mudou. Operadores, programadores e canais se adaptam a um novo tempo em que a não-linearidade, a distribuição multiplataforma e novas formas de engajamento e interação entre telespectadores e conteúdos passa a ser a regra. Neste evento, uma reflexão sobre o presente e o futuro da indústria no Brasil, seus principais desafios, os caminhos que estão surgindo, as principais inovações e as tendências globais mais relevantes. Um evento organizado com a expertise e a curadoria editorial das publicações TELA VIVA, PAY-TV e TELETIME.

30 de julho a 31 de julho
WTC Events Center – São Paulo, SP, SP, Brasil
Top