OUTROS DESTAQUES
Meta agora é a qualidade
segunda-feira, 12 de abril de 1999 , 21h29 | POR REDAÇÃO

Em entrevista ao TELETIME News, Ivan Campagnolli afirmou que a operadora dedicou-se a reparar defeitos após atender os PEX, tendo atendido a mais de 10 mil ocorrências no fim-de-semana passado. A meta agora é melhorar a qualidade e reduzir o tempo para fazer os consertos. O compromisso com o Procon é fazer os reparos em até cinco dias, até o final de abril, e até 72 horas, em maio. Quanto à digitalização, Campagnolli disse que o contrato com a Anatel prevê que 75% da planta seja digital até o fim do ano. Como hoje o percentual já atinge 74%, o vice-presidente da Telefônica prevê que até dezembro serão 82%, em média.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top