OUTROS DESTAQUES
Escolha foi por sistema mais versátil
sexta-feira, 11 de fevereiro de 2000 , 19h02 | POR REDAÇÃO

Segundo o relatório, os pontos que determinaram a escolha da modulação foram: 1) Melhor cobertura – igual ou superior à analógica; 2) Maior robustez na recepção com multipercurso; 3) Capacidade para transmitir televisão em alta definição (HDTV), e 4) Única modulação com possibilidade de transmitir TV móvel. Nos testes realizados em São Paulo, a modulação COFDM foi a única que permitiu recepção com 100% de sucesso, dentro de um raio de cobertura de 10 km, com a potência de transmissor de 2,5 KW utilizada nos testes. "A qualidade da transmissão é ponto fundamental da TV broadcast", justificou Bittencourt.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Comece o ano com um debate atualizado e aprofundado sobre os principais pontos da pauta política e regulatória do setor de Comunicações para o ano de 2019, as perspectivas para o novo governo e para o trabalho da Anatel, além de discussões aprofundadas sobre o modelo de regulação por incentivos e a aplicação  e implicações da Lei de Proteção de Dados para o setor de telecomunicações.

19 de fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Comece o ano com um debate atualizado e aprofundado sobre os principais pontos da pauta política e regulatória do setor de Comunicações para o ano de 2019, as perspectivas para o novo governo e para o trabalho da Anatel, além de discussões aprofundadas sobre o modelo de regulação por incentivos e a aplicação  e implicações da Lei de Proteção de Dados para o setor de telecomunicações.

19 de fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top