OUTROS DESTAQUES
Critérios do governo ainda não são claros
quarta-feira, 10 de junho de 1998 , 16h50 | POR REDAÇÃO

Alguns critérios utilizados pelo governo para reduzir o valor da Telebrás antes da venda não ficaram muito claros: por que computar as despesas de marketing que as empresas terão se isso faz parte da estratégia futura de cada novo proprietário? E por que não considerar as metas de universalização, apontadas pelos especialistas como o principal desafio (mais até do que a eventual perda do market share) como um fator redutor do valor da Telebrás? São algumas das dúvidas que ficaram após a divulgação dos preços mínimos.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Comece o ano com um debate atualizado e aprofundado sobre os principais pontos da pauta política e regulatória do setor de Comunicações para o ano de 2019, as perspectivas para o novo governo e para o trabalho da Anatel, além de discussões aprofundadas sobre o modelo de regulação por incentivos e a aplicação  e implicações da Lei de Proteção de Dados para o setor de telecomunicações.

19 de fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Comece o ano com um debate atualizado e aprofundado sobre os principais pontos da pauta política e regulatória do setor de Comunicações para o ano de 2019, as perspectivas para o novo governo e para o trabalho da Anatel, além de discussões aprofundadas sobre o modelo de regulação por incentivos e a aplicação  e implicações da Lei de Proteção de Dados para o setor de telecomunicações.

19 de fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top