OUTROS DESTAQUES
INVESTIMENTOS
Investimentos das teles recuam 9% em 2015
quinta-feira, 07 de abril de 2016 , 18h05

As prestadoras de serviços de telecomunicações investiram R$ 28,6 bilhões em 2015, valor 9% menor do que o aplicado em 2014. De acordo com a Associação Brasileira de Telecomunicações (Telebrasil), a queda se deveu às dificuldades de ordem econômica, tributária e regulatória que vêm sendo impostas às empresas do setor, o que "vem penalizando o cidadão e minando a capacidade de investimento das prestadoras".

Segundo o levantamento da entidade, nos últimos 17 anos, o setor privado de telecomunicações já investiu mais de R$ 386 bilhões, a preços correntes e incluindo o pagamento de outorgas, o que em valores atualizados representa mais de R$ 680 bilhões. Em 2015, a receita bruta do setor de telecomunicações, de acordo com o balanço, foi de R$ 233,7 bilhões, o que significa uma pequena redução em relação a 2014, quando a receita bruta foi de R$ 235,7 bilhões.

O levantamento mostra ainda que os tributos incidentes sobre os usuários do setor de telecomunicações vêm aumentando ao longo dos anos. No ano passado foram recolhidos R$ 59,8 bilhões em tributos, o que representou um crescimento de 3,5% em relação a 2014. Só de ICMS, foram recolhidos aos cofres dos governos estaduais R$ 34,4 bilhões. E esse peso deve ser ainda maior em 2016, já que dez Estados reajustaram suas alíquotas em cerca de 20% para serviços de telecomunicações e 17 Estados ampliaram em 50% o ICMS sobre TV por assinatura.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
EVENTOS
Não Eventos
Top