OUTROS DESTAQUES
América Latina afeta resultados do grupo
sexta-feira, 01 de Março de 2002 , 20h10 | POR REDAÇÃO

A depreciação do real (-21,8%) e do peso chileno (-12,4%) frente ao dólar e a situação recessiva da Argentina afetaram os resultados financeiros da Telefónica Latinoamerica (que reúne operações fixas e móveis na Argentina, Brasil, Chile e Peru). As receitas consolidadas decresceram 2,3%. Por outro lado, a Telefônica de São Paulo foi responsável, sozinha, por um aumento de receita bruta de 25% (em reais) por conta do crescimento da planta (antecipação de metas). A Telefônica de São Paulo finalizou o ano passado com 12,6 milhões de linhas (penetração de 33,8%) e registrou um crescimento de 6% no seu lucro líquido. Já na Argentina, a Telefónica aumentou a provisão para devedores duvidosos (PDD) em 102,5% por conta da crise econômica do país.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet. Organizado há 17 edições pela TELETIME e pelo Centro de Estudos de Políticas de Comunicações da Universidade de Brasília (CCOM/UnB), o evento congrega reguladores, formuladores de políticas, acadêmicos, empresas e analistas para um debate aberto sobre os temas mais relevantes e que serão referência ao longo do ano. Em 2018, estão em discussão uma agenda possível para o setor, o impacto do cenário eleitoral sobre as telecomunicações, a atuação  do Congresso Nacional sobre as políticas do setor de telecomunicações e Internet e as referências regulatórias internacionais.

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
EVENTOS

Principal encontro independente de debate e reflexão sobre políticas setoriais dos setores de telecomunicações e Internet

20 de Fevereiro
Auditório Finatec, DF, Brasil
Top